F-Truck volta à Interlagos neste final de semana

288186_619902_lff_5205

Acontece neste final de semana em Interlagos a 6ª etapa da temporada 2016 da Fórmula Truck. Depois de um ano distante da mais tradicional pista do Brasil, os volantes e seus monstros turbo diesel retornam ao asfalto histórico do circuito paulista.

A disputa promete ser quente com Felipe Giaffone defendendo a liderança do campeonato reconquistada na última etapa em Londrina, quando Diogo Pachenki abandonou após a quebra do motor de seu caminhão. Paulo Salustiano vem em terceiro, seguido de David Muffato e André Marques fechando os cinco ponteiros. O campeonato ainda está aberto, com 265 pontos em jogo nas próximas etapas. Vários pilotos têm condições de lutar pelo título, que teve apenas dois pontos de diferença para o segundo lugar na temporada passada, na qual Leandro Totti conquistou o tricampeonato.

A etapa de Interlagos terá a volta dos restritores de potência que foram introduzidos em Londrina. O restritor é, basicamente, um anel que reduz a entrada de ar no motor dos caminhões, o que faz a potência cair. O uso do dispositivo busca equilibrar ainda mais as disputas na pista, mas é uma grande preocupação para os cinco primeiros colocados, que sofrem maiores restrições.

Felipe Giaffone estará com o restritor de 70 milímetros, o que o leva a perder aproximadamente 140 cavalos. Diogo Pachenki vai com o de 72mm e deixa de usar cerca de 120 HP. Paulo Salustiano levará o de 74mm, com 100 cavalos de perda. David Muffato usa o de 76 milímetros e perde 50 HP e André Marques utilizará o de 78mm e perde 30 cavalos.

Quase todos os outros caminhões do grid usarão o restritor de 80mm, menos os três da marca Iveco que, em vez de redução, usam abertura da entrada de ar de 85 milímetros. O caso dos brutos de Beto Monteiro, Roberval Andrade e Luiz Lopes foi definido após a constatação da dificuldade enfrentada pelo motor da marca, que não conseguia acompanhar os outros concorrentes pela pequena entrada de ar.

Conforme o regulamento prevê, os restritores serão usados até a penúltima corrida, marcada para dia 6 de novembro em Guaporé, Rio Grande do Sul. Na decisão do título desta temporada, no dia 4 de dezembro em Curvelo, Minas Gerais, todos os pilotos posicionados entre os cinco primeiros deixam de usar os restritores.

Os dez primeiros colocados no Campeonato Brasileiro da Fórmula Truck:

1 – Felipe Giaffone (Volkswagen Constellation), 198 pontos
2 – Diogo Pachenki (Mercedes-Benz), 179
3 – Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), 164
4 – David Muffato (MAN), 128
5 – André Marques (Volkswagen Constellation), 126
6 – Débora Rodrigues (Volkswagen Constellation), 119
7 – Alex Fabiano (Volvo), 114
8 – Raijan Mascarello (Mercedes-Benz), 111
9 – Wellington Cirino (Mercedes-Benz), 85
10 – Adalberto Jardim (Volkswagen Constellation), 73

Os ingressos vão de R$35,00 (arquibancadas) até R$600,00 (camarote VIP) e podem ser adquiridos na bilheteria do autódromo, em pontos oficiais ou pelo site oficial: www.lojaformulatruck.com.br/loja

Foto:
Luciana Flores/Divulgação F-Truck

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *