Entre Ases e Reis no Velocult

SAMSUNG

Coloque para tocar o Hino das Mil Milhas Brasileiras aí, porque vamos voltar no tempo!
O Velocult 2013 expõe carros clássicos, troféus, capacetes e outros itens da época de ouro do automobilismo brasileiro.

A exposição começou no dia 25 de fevereiro e termina em 18 de março, no Conjunto Nacional. Entre as joias estão: a Alfa Romeo, da equipe Jolly; o Willys Interlagos 22, de Bird Clemente; Alpine A110, de Chico Lameirão; Maverick-Berta, da Equipe Hollywood, e se você ainda não se convenceu a sair de casa, também está lá a Carretera amarela 18, de Camillo Christófaro e Eduardo Celidônio, que cruzou a linha de chegada em primeiro lugar em 1966, na mais fantástica prova do automobilismo brasileiro, a VIII Mil Milhas Brasileiras!

Além das máquinas históricas, nos deparamos, logo na entrada do CN, com a magnífica taça de 1,80m das Mil Milhas, com os dizeres bem apropriados “Glória Imortal ao Vencedor das Mil Milhas Brasileiras”.
Talvez o item mais novo da exposição, seja o troféu do GP Brasil de Fórmula 1 2011, desenhado por Paulo Soláriz, organizador do evento. Além do belo desenho, a peça tem uma pedra vinda diretamente do Pré-Sal, retirada de uma profundidade de 5.000m.
Paulo também desenhou o troféu de 2012 da São Paulo Indy 300.

A festa de lançamento, que ocorreu no dia 26 de fevereiro, contou com vários pilotos da era de ouro de Interlagos. Só para citar alguns dos (como diria Bird) Ases e Reis, estavam lá: Carol Figueiredo, Chico Lameirão, Wilsinho e Emerson Fittipaldi, Graziela Fernandes, Bird Clemente, Luiz Evandro Águia, Paulo Gomes e Jan Balder.
O evento ainda contou com premiações, incluindo a de Wilson Fittipaldi, o Barão, por toda a sua contribuição ao automobilismo nacional, lá representado por seu filho Wilsinho, que ficou profundamente emocionado pela homenagem prestada ao pai.
Depois foram exibidos filmes das décadas de 50/60, incluindo um promo da Bardahl, mostrando toda a grandiosidade da Mil Milhas, que contava com banda de fanfarra, apresentação de malabaristas e até a Miss Bardahl (onde foi que tudo isso se perdeu?).

Por fim, o GearHeadBanger agradece Paulo Soláriz por ajudar a preservar e relembrar a história das gloriosas corridas brasileiras!

Data do evento:
De 25 de fevereiro a 18 de março

Horários:
Seg a sáb: 07h às 23h
Domingo: 10h às 23h
Feriados: 10h às 23h

Endereço: Espaço Cultural do Conjunto Nacional
Av. Paulista 2073, São Paulo – SP

Telefone: 11 3179-0000
Site: www.velocult.com.br

Fotos: Ricardo Varoli

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *