BMW GINA: O carro de pano

Muitos acham que Chris Bangle destruiu o design da BMW. Eu acho que ele é um gênio.
Dos seus trabalhos com os carros da Baviera, o mais surpreendente, para mim, é o GINA (Geometry and functions In ‘N’ Adaptation – Geometria e funções em “N” adaptações).
Sempre imaginei que seria bacana fazer um carro cuja carroceria fosse algo parecido com a pele humana. Bangle realizou meu sonho. O carro é todo coberto por um tecido resistente, flexível e a prova d’água, feito de elastano coberto de poliuretano.

Como no seu nome, o carro pode mudar em várias formas para se adaptar ao seu uso. Apenas quatro painéis – capô, laterais e porta malas – recheados de fios de alumínio que podem mudar a forma do carro quando acionados por um sistema eletro hidráulico. Onde é necessária uma “dobra”, foram usadas estruturas flexíveis de carbono, como na porta.
Com isso, o carro pode mudar sua aerodinâmica, transformando a forma do capô ou levantando um spoiler na traseira. O V8 instalado na dianteira pode ser acessado por um movimento que abre, literalmente, o capô ao meio. As portas se abrem a meia altura, nem para cima, nem para o lado, enrugando a cobertura de tecido e marcando a estrutura de segurança do carro.
Mas o mais legal são os faróis. Os traseiros ficam escondidos por baixo do tecido, que é translucido, e só se revelam quando são ligados. Já os dianteiros fazem o carro parecer ter vida própria se abrindo como olhos humanos e até piscando para você.
O interior do veículo também foi revestido com o mesmo tecido. Quando o motorista entra no carro, o volante se aproxima junto com o painel, e os encostos de cabeça surgem na parte de cima dos bancos.
O carro foi feito com base no chassi do Z8 e tem um motor V8 4.4 l
Como disse o autor da obra: “challenge existing principles and conventional processes” (desafia os princípios existentes e os processos convencionais) – um verdadeiro carro conceito. Além das fronteiras do imaginável.

Danke Meister!

Fontes das fotos:

http://www.automobilesreview.com/img/gina-the-bmw-group-design-philosophy/bmw-gina-05.jpg
http://multticlique.com.br/blog/wp-content/uploads/2011/07/bmw-2.jpg
http://www.bmwheaven.com/gallery/images/original/other_233/other_concepts_234/gina_236/gina_headlights_20090809_1366763601.jpg
http://www.graphicmania.net/wp-content/uploads/bmw-gina-dark.jpg
http://uemeai.files.wordpress.com/2008/06/bmw-gina-34.jpg
http://www.araba.cc/1024×768-araba-resimleri/bmw/2008-bmw-gina-light-visionary-model-concept2.jpg

3 thoughts on “BMW GINA: O carro de pano

  1. Ricardo Varoli-GearH

    Bom, acho que ninguém acelerou muito com o carro, porque como todo conceito, deve ter custado mais do que todos os seus órgãos internos vendidos no mercado negro chinês ou russo.
    Referente à segurança, ele tem todas as barras de proteção/deformação. Uma pode ser vista fácil quando a porta se abre. Repare numa travessa que faz um vinco no tecido.

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *